Após pedido, Infraestrutura deve receber mais R$ 1 bi no Orçamento de 2021

A equipe econômica aceitou aumentar em R$ 1 bilhão o Orçamento do Ministério da Infraestrutura para o próximo ano. A decisão foi tomada após apelos da pasta comandada por Tarcísio de Freitas, segundo quem os valores propostos inicialmente iriam comprometer o andamento de obras públicas tocadas pelo governo. O Ministério da Economia havia previsto, a princípio, que a pasta teria R$ 6,3 bilhões para despesas não obrigatórias e, portanto, livres para investimento.
O acréscimo, no entanto, corresponde a menos de um quarto do que o Ministério da Infraestrutura pediu para a equipe econômica. Em ofício assinado por Freitas, ao qual o Estadão/Broadcast teve acesso, o ministro afirmou que a pasta precisaria de mais R$ 4,6 bilhões, dos quais R$ 3,6 bilhões serviriam para complementar os recursos mínimos para a “manutenção de ativos de infraestrutura de transportes”, além de impulsionar a continuidade de projetos em andamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *