Proposta sugere modelo para contratação de GD

A Associação da Indústria de Cogeração de Energia apresentou à Aneel proposta de abertura de consulta pública para discutir o modelo de contratação de geração distribuída no mercado regulado, tão logo passe o impacto inicial da pandemia do coronavírus sobre a agenda de atividades do setor. A sugestão da Cogen é de que as chamadas sejam feitas pelas distribuidoras antes dos leilões A-4 e A-6, para que uma parte da demanda possa ser contratada de empreendimentos de GD e destinada a atender a necessidade específica do mercado consumidor, em determinada localidade da área de concessão.

Em plena crise e em um cenário de sobrecontratação das distribuidoras, o assunto não está entre as prioridades da agência no momento. Pelas regras atuais, as concessionárias de distribuição podem adquirir até 10% da demanda de energia de usinas de geração distribuída, com repasse integral dos custos dessa energia às tarifas dos consumidores. Na prática, isso não tem acontecido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *